Nogueira Imóveis - Aluguel - Compra - Venda - Corretagem Imobiliária

Precisa de Ajuda?

(61) 3201-3585

Veja as 8 dicas para fazer vistoria no imóvel alugado

A vistoria do imóvel não acontece apenas quando se adquire imóvel novo. É fundamental fazer um laudo de vistoria também em imóveis alugados. Nesse caso, inquilino e proprietário devem listar todas as condições de conservação do imóvel, como parte integrante do contrato de locação.

É importante que o locatário/inquilino faça a conferência da vistoria inicial e apresente a retificação por escrito respeitando o prazo previsto no contrato de locação para que a imobiliária possa providenciar a conferência dos itens apontados.

Veja as 9 dicas para fazer vistoria no imóvel alugado

1) Vistoria ? Faça a conferência da vistoria inicial em um dia tranquilo e com calma e hora previamente agendada.

2) Faça uma lista de todos os pontos vistoriados ? Ao realizar a vistoria no imóvel alugado, o inquilino deve dispor de todas as informações do imóvel no contrato de locação. Caso o inquilino detecte problemas, deve apresentar a retificação, dentro do prazo estipulado, com os itens para a conferência do vistoriador.

3) Esquadrias alumínio/madeira ? Confira todas as janelas e portas, se apresentam arranhões e pinturas danificadas. Teste o funcionamento, abrindo e fechando as portas.

4) Instalações elétricas ? Com relação a parte elétrica do imóvel, é imprescindível testar todas as tomadas, interruptores e bocais para checar se a energia está funcionando perfeitamente.

5) Instalações hidráulicas ? Ao entrar no imóvel, ligue todas as torneiras e deixe a água sair por cerca de dois minutos para verificar se não existem vazamentos nos sifões. Verifique também se as torneiras não estão quebradas ou rachadas. Já nas descargas das bacias sanitárias, acione e veja se a vazão d’água é satisfatória, repetindo o acionamento na sequência por mais uma vez para ter certeza do bom funcionamento. Também vale a pena procurar por vazamentos, infiltrações e rachaduras.

6) Revestimentos cerâmicos e rejuntes ? Avalie visualmente se não existem peças danificadas, com trincas, rachadura e manchas ou mofos nas paredes e tetos.

7) Pintura ? Verifique visualmente a planicidade das paredes, se não existem pontos que formam sombras. E para lembrar onde eram os pontos de correção, fotografe e anote.

8) Liste e fotografe tudo o que foi avaliado ? Finalizada a conferência, verifique se todas as solicitações foram anotadas, tire foto dos pontos citados e arquive para ter uma cópia, assim as dúvidas na devolução do imóvel poderão ser sanadas.

Caso o inquilino queira modificar a estrutura do imóvel, deve-se avisar com antecedência ao proprietário do imóvel. Se as mudanças forem aceitas, o acordo deve ser feito por escrito. Alteração na pintura, aberturas de novos furos ou abertura de novas paredes, colocação de grades, alarme ou qualquer outra alteração deve ser autorizada pelo proprietário. Caso contrário, o inquilino está sujeito a punições.

Fonte: Cláudio Furlanetto